Tendências para o mercado imobiliário em 2022

No início de 2020, o mercado imobiliário encontrava-se em um cenário promissor. Com a retomada do crescimento econômico, as taxas de juros em queda, e a inflação sob controle, os efeitos eram positivos para o ramo da construção civil. 

Com o início da pandemia da Covid-19, todos ficaram receosos de que o setor sofresse prejuízos, contudo, não foi isso que acabou acontecendo. 

De junho de 2020 a junho de 2021, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) subiu 17%, mostrando que o mercado esteve aquecido e que a compra de imóveis é um bom investimento. 

A pandemia continua afetando muitos setores da economia. Mas o mercado da construção civil, é um dos poucos que apresenta boas perspectivas de crescimento para o próximo ano.

Tendências de consumo

Este cenário impulsionou também novos hábitos de consumo, desejos e necessidades dos consumidores. Isso ocorreu pois a rotina das pessoas mudou e aumentou-se o tempo que elas passam em casa. 

Morar perto do trabalho não é mais uma prioridade, já que agora muitos profissionais conseguem trabalhar em regime de home office ou em modelo de trabalho híbrido.

Adquirir um imóvel se tornou uma ótima forma de investimento e não apenas de moradia, visto que o mercado está ativo e com boas condições. 

E viver fazendo uso da chamada “economia compartilhada” tornou-se algo muito atrativo para pessoas de todas as idades. 

Tendências do mercado imobiliário

Agora que você já conhece algumas tendências dos consumidores em geral para 2022, confira o que está por vir no mercado imobiliário:

Diferentes áreas, para diferentes necessidades

As pessoas perceberam que querem aproveitar ao máximo a vida sem precisar sair de casa. Sem precisar se deslocar, enfrentar trânsito, filas. Em resumo, as pessoas não querem perder seu tempo. 

Empreendimentos com áreas comuns para lazer, trabalho e bem-estar vão se destacar no próximo ano. Dessa forma, incluir essas necessidades em um condomínio passa a ser uma obrigação para as construtoras que buscam destaque no mercado. 

Espaço home office, academia, pista de caminhada, espaço gourmet são todos espaços presentes em nosso último lançamento, o La Spezia

Locais compartilhados

A economia compartilhada veio para ficar. Nesse sentido, hoje, as pessoas não se importam em compartilhar uma lavanderia, compartilhar um escritório ou até compartilhar uma cozinha. 

Em 2022, os locais compartilhados do condomínio merecem, e MUITA, atenção. 

Muitas pessoas não precisam de uma grande cozinha, com diversas ferramentas e utensílios para o dia a dia. Às vezes, precisam apenas de um espaço completo para cozinhar nos finais de semana ao lado de amigos e família. 

Um escritório dentro do apartamento passa a não ser tão atrativo, pois assim não é possível separar os momentos de lazer e trabalho. E é para isso que um espaço home office no condomínio é perfeito. 

Tecnologia no mercado imobiliário

Não é novidade para ninguém que o futuro é da tecnologia. E no ramo imobiliário, por mais que estejamos falando de um mercado tradicional, não poderia ser diferente. 

Fechadura digital nas portas, tomada para carros elétricos, automação de apartamentos e acesso à portaria com biometria já são uma realidade nos mais novos empreendimentos do Brasil e do mundo, inclusive nos da Formacco. 

Além disso, a tecnologia nesse setor não precisa necessariamente estar na construção, mas sim em outros recursos como: books de empreendimentos disponíveis no formato digital, negociações com corretores feitas de forma 100% online, ou até visita de uma maquete no formato de realidade virtual. 

Quer saber mais sobre a maquete em realidade virtual do La Spezia? Entre em contato através deste link

Sustentabilidade

A sustentabilidade é um tema que vem ganhando cada vez mais espaço nos últimos anos e também deve ter um impacto grande no mercado imobiliário. 

Empreendimentos com atributos como captação de água da chuva, aquecimento solar para atender os apartamentos e locais próprios para bicicletas vão ganhar os olhos do público no futuro, visto que a preocupação com o meio ambiente é uma tendência emergente.

Somando a isso, estará também a busca por locais próximos à natureza.

Como último ponto, vale ressaltar que esta crescente preocupação também veio a aumentar nos últimos meses, pois alguns dos recursos citados acima, além de contribuírem para o meio ambiente, são alternativas que reduzem os custos mensais de contas mensais de água e luz. 

Conforme visto, os padrões de consumo vem se alterando bastante nos últimos anos e não se adaptar significa não dar ouvidos a quem mais importa, o consumidor. A Formacco em seu último empreendimento implementou diversos desses mecanismos citados acima! 


Quer conferir a lista completa de funcionalidades que o La Spezia pode oferecer? Então acesse este post: La Spezia: recursos tecnológicos em cada m².

Open chat
Precisa de ajuda?